fbpx
Tag

comportamento

Ayurveda: Os Gunas – os doshas da mente – parte 1

De acordo com a tradição védica em especial a filosofia Sankhya, toda natureza material nos impele a agir de acordo com três princípios básicos que regem a vida material. Esses princípios são chamados de gunas pelo Ayurveda e são considerados os DOSHAS da mente, ou humores da mente.

“Pureza, paixão e inércia, essas qualidades, ó Arjuna, nascem da natureza e limitam aquele que habita o corpo, ó indestrutível.

SATTVA, por ser desprendida de impurezas, caracteriza-se por iluminar e ser livre de doenças e por aprisionar pelo apego à felicidade e ao conhecimento, ó impecável.

Saiba que RAJAS tem a natureza das paixões, sendo a origem da sede (de prazeres sensuais) e do apego. Ela aprisiona rápido o encarnado, ó Arjuna, pelo apego à ação.

Porém, saiba que TAMAS nasce da ignorância. Ilude a todos que habitam o corpo, aprisiona com rapidez, ó Ajurna, através da indiferença, preguiça, indolência e sonolência.

Sattva vincula-se à felicidade, rajas à ação, ó Arjuna, ao passo que tamas, encobrindo o conhecimento, vincula-se à indiferença.” (Bhagavad gita, XIV)

Charak classificou os doshas da mente em Rajas e Tamas, o terceiro, Sattva é considerado a própria natureza da mente em seu estado de equilíbrio.

Muitas vezes é comum ver pessoas dizendo que tem uma mente vata, pitta ou kapha devido a determinado modo de funcionamento, seja por se considerarem muito agitadas, ou muito dinâmicas ou mesmo letárgicas, porém analisar a mente sob a perspectiva do doshas é um equívoco, pois esse últimos dizem respeito a funções fisiológicas, enquanto que a mente está relacionada com as influências na psique do indivíduo e sua forma de se relacionar com o mundo.

Sattva é compreendido por equilíbrio, clareza, luz e indivíduos influenciados por essa energia tendem a buscar por atividades que promovem mais saúde, evolução, auxilio ao próximo. São pessoas muito conectadas com a natureza e seus ritmos biológicos. Gostam de acordar cedo, praticar exercícios, meditação, yoga e atividades que geram tranquilidade e clareza para a mente e saúde para o corpo. Da mesma forma buscam uma dieta com alimentos frescos, de fácil digestão e de fonte vegetariana. Se preocupam com o meio ambiente e sentem-se como parte dele e portanto, nada que agrida o meio ambiente os atrai. Indivíduos sattvicos estão sempre com um bom nível de energia física e mental, pois sua rotina e estilo de vida são muito equilibrados. Alguns líderes espirituais, pessoas que fazem caridade (sem a necessidade de serem reconhecidos), atletas são pessoas de características sattvicas. Essas pessoas fluem com mais facilidade na vida sem apegos e tendem a ser mais flexíveis as mudanças.

Rajas é compreendido como a inteligência da ação, movimento, dinamismo. Indivíduos influenciados por Rajas são pessoas com tendências mais ambiciosas, que buscam por mais poder, mais dinheiro, mais conquistas de modo geral e gostam sempre de estar fazendo alguma coisa, realizando algum empreendimento. Sua força motriz é a paixão e tendem a mover-se em direção da realização de seus desejos materiais. Geralmente são lideres natos, gerentes, donos de algum negócio, comerciantes, grandes conquistadores etc… São atraídos por uma dieta e um estilo de vida que os impulsionem mais a ação, gostam de alimentos de sabores fortes, ácidos, salgados e estimulantes que promovem mais movimento na mente, como o café e outras substâncias similares. Entretanto, por fazerem uso excessivo de sua energia física e mental tendem a se cansarem demais gerando eventualmente uma estafa física que os obriga a parar por motivos de saúde.

Tamas é aquilo que promove escuridão, torpor, ignorância. Indivíduos tamásicos tendem a ser pessoas muito resistentes a mudanças. Estão sempre em busca de atividades ou substâncias que levam a uma total letargia física e mental. Gostam dos excessos, comem muita carne e alimentos pesados, álcool, etc… gostam de dormir demasiadamente, praticar atividades que levam a uma exaustão como sexo em excesso, passam horas bebendo ou acordados tarde da noite e tendem a ter uma energia apática, sem vitalidade, e principalmente não conseguem fazer alguma austeridade quando se trata de saúde física ou mental. Sua saúde pode ser mais debilitada pois usam de mais do corpo e parecem não dar muita importância para aquilo que lhes promove mais embotamento e perda de saúde, pois geralmente suas amuletas são como anestésicos para seu lado emocional, que geralmente não fazem questão de trabalhar, e por isso são sempre inclinados a esses excessos. Eles são como árvores que se enraízam no solo e não se movem, mesmo com uma tempestade ou qualquer outra calamidade. O mesmo se vê em suas vidas e apegos, tendendo a serem bem rígidos quando se trata de mudança, preferem seguir com seus “prazeres”.

Texto por Mario JP Neto – Instrutor de MT e Ayurveda

Facilitador do curso de Formação Ayurveda Clássico – Autoconhecimento e Formação

SAIBA MAIS

 

Em novembro acontece o curso Ayurveda Chikitsa com o médico indiano Dr. Gaurav Davee

Aos terapeutas e estudantes de Ayurveda de Brasília e de todo Brasil, é com muita felicidade que divulgamos mais uma vinda do Dr. Gaurav Davee (fotos) ao cerrado!

Pelo 5º ano consecutivo, Dr. Gaurav chega a Brasília para mais um curso inédito:  AYURVEDA CHIKITSA – Fundamentos do tratamento Ayurveda de acordo com os Samhitas.

Gaurav vem de uma família tradicional de Vaydias (médicos ayurvédicos) de 4 gerações consecutivas e é um dos professores do nosso Curso de Formação em Ayurveda Clássico – baseado no Ashtanga Hridayam.

O curso é inédito e aberto a todos terapeutas e estudantes de Ayurveda de outras escolas, e todo material foi preparado para dar ao terapeuta um suporte e um maior entendimento nos quesitos necessários para um bom tratamento. O curso será traduzido do Inglês para Português, assim como a apostila que todos participantes irão receber. Será um prazer enorme receber vocês!

O curso será ministrado no Sítio Vale das Flores, local maravilhoso, em meio a natureza exuberante do cerrado, situado no Altiplano Leste (cerca de 15 km da Ponte JK).

Sítio Vale das Flores (foto)

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Neste intensivo com o Dr. Gaurav Davee, estudaremos os seguintes tópicos:

1) Hetu viparit chikitsa (tratamento contra o fator causal)

2) Vyadi viparit chikitsa (tratamento contra a doença)

3) Conhecimento de hetu (fator causal da doença)

• Definição de hetu

• Quais os critérios para definir hetu?

• Consistência do consumo de hetu

• Número e quantidade de hetu

• Importância do conhecimento de hetu

• Como podemos diferenciar vyadi bala (força da doença) de hetu bala (força da causa)?

• Conhecimento de dushya (tecidos enfraquecidos) e hetu

4) Como descobrir o hetu seguindo:

• Desh pariksha (exame do local onde o paciente nasceu ou vive)

• Ahar (dieta)

• Vihar (estilo de vida)

• Achar (comportamento)

5) Conceito Vyadi (doença) e Hetu (fator causal da doença)

6) Amapradosha hetu e chikitsa (tratamento e fator causal de doenças por causa de ama)

7) Santarpan vyadi hetu (fator causal nas doenças por nutrição excessiva)

8) Santarpan Vyadi (doenças por nutrição excessiva)

9) Santarpan Vyadi shodhan Chikitsa (tratamento de purificação nas doenças por nutrição excessiva)

SOBRE O FACILITADOR:

Dr. Gaurav Davee (B.A.M.S) – o quinto na geração de Ayurveda da sua família. Dr. Gaurav Davee é Bacharel em Ayurveda, Medicina e Cirurgia pela BSDT Ayurved Mahavidyalaya (Pune/India) e pós graduado em serviço médico de emergência. Atende em sua própria clínica, em Old Panvel (Maharastra/India) e tem realizado cursos e workshops de Ayurveda em Dubai, na Itália, Argentina, Brasil e México. Possui intensa prática clínica, tendo tratado e curado com sucesso mais de 10.000 pacientes na Índia e em outros países do mundo nos últimos 9 anos.

QUANDO:

09 e 10 de novembro de 2019

Sábado e domingo, das 09h às 18h

VALOR: 

1º lote c/. desconto – até 05/10
Valor: R$ 591,00

2º lote – após 05/10
Valor: R$ 630,00

Obs: Aceitamos cartão, cheque. Para parcelamento, consulte as opções no contato: (61) 9.9866-8686

VAGAS LIMITADAS!

Local: Sítio Vale das Flores, Altiplano Leste, Brasília – DF

As aulas serão administradas em inglês e terão tradução para o português.

Inclui: material didático, certificado de participação (consulte-nos sobre a alimentação no local).

Organização: Sattva Ayurveda e Instituto Atmo Danai

INSCRIÇÕES:

Dúvidas? Fale conosco no WhatsApp (61) 99866-8686 

REALIZAR INSCRIÇÃO

Bhava: as 12 Casas na Astrologia Védica

A Astrologia Védica é uma das ciências materiais mais importantes da antiguidade, por sua precisão em combinar Matemática, Astronomia, Filosofia e Mitologia. Sempre foi um conhecimento utilizado por grandes sábios e mestres do passado e do presente. Pois, tem-se revelado importante instrumento de observação das reações das atividades humanas ao longo do tempo.

BHAVAS

Cada signo é regido por um planeta que se torna a Casa deste. Estas 12 Casas (Bhavas) governam as áreas na vida diária do nativo e são determinadas pelo momento do nascimento. Após a localização do ascendente,  segue a 1ª Casa e as outras se seguem sucessivamente. No Mapa Védico, cada uma das divisões correspondem a uma Casa (imagem acima). Saiba as referências e os assuntos ou áreas da vida de cada uma delas:

1ª Casa
A 1ª casa governa sobre o nascimento, o corpo, aparência, auto-estima, saúde, mente, força, membros, terra natal, antecedentes, idade de crescimento, felicidade, tristeza, dignidade, prudência, tranqüilidade, longevidade, cabeça orgulho, subsistência, pele, capacidade, avareza, insolência, arrogância, descontentamento, envolvimento em problemas.

2ª Casa
A 2ª casa rege a alimentação, posses, educação, comidas e bebidas, olho direito, face, veículos mapas e documentos, voz, vida familiar, convicções tradicionais, unhas, língua, nariz, empréstimo de dinheiro.

3ª Casa
A 3ª casa rege sobre coragem, valor, determinação, lutas, desejos, esforços, irmãos mais novos, parentes, ouvido direito, pernas, lugares nos arredores, vagar, pequenas jornadas, viagens, vizinhos ou bairro, serventes femininos, correspondências, partituras de propriedades confusões mentais, conflitos e soldados.

4ª Casa
A 4ª casa governa residência, terras, veículos, objetos, reino, fazendas, cereais em abundância, pavilhões, jardins, quarto de dormir, ornamentos, água, barcos, vacas, leite, peito, ganho de terras úmidas, emoções no coração, educação escolar, claridade de pensamentos, bom nome.

5ª Casa
A 5ª casa governa pedágios, taxas, ministros, inteligência, filhos especialmente o primeiro, criatividade, ventre ou barriga, regras, costumes, moral romances amorosos, emoções, piedade, boas ações paternais, gravidez, fertilidade e esterilidade, concepção ,especulações financeiras, vestuário, previsão, nomeação hereditária e créditos de vidas passadas.

6ª Casa
A 6ª casa governa sobre dívidas, roubos, armas, ferimentos, ladrões, inimigos, relação paterna, feitiços, encantamento mágico, medos, mas ações, humilhações, fleuma, inchações, insanidade, angústias, refeições inadequadas, quedas, problemas através de parentes, problemas urinários, disenterias, repressões, penitenciárias, empregos, desentendimentos com irmãos, subordinados e serventes.

7ª Casa
A 7ª casa governa sobre o cônjuge, desejos casamento, amores, romances, noivado, uniões ou parceria, direção, seguir uma trajetória, curso de uma ação, passeios públicos, castidade, florescer, prazeres sensuais, virilidade, número de casamentos, transações, residência no exterior, diplomacia, talentos, destruição do poder, sobrepor-se aos inimigos, controvérsia, adoção de filhos.

8ª Casa
A 8ª casa rege sobre Mangalya, ou vínculo conjugal, pesares mentais, derrotas, humilhações, longevidade, escândalos, impureza, obstáculos, trabalhos maus remunerados, legados, morte apólices de seguros, punição governamental, perda de dinheiro, acidentes, mutilação física, calamidades intermináveis, impulso sexual e misticismo.

9ª Casa
A 9ª casa governa sobre o preceptor, viagens ao exterior, fortuna, pai, adoração, assuntos legais, atividades dharmicas ou propósito de vida, netos nobreza, generosidade, centro de peregrinação, aquisição de informações, política, histórico moral, iniciação religiosa, cavalos prosperidade, sala vip, sala de reuniões, câmara municipal, circulação de dinheiro.

10ª Casa
A 10ª casa rege comércio, posto ou ocupação, honra, sucesso, fama profissões, perícias, boa conduta, incapacidade, inclinações, coxa, maneira de andar, comando, atletismo, agricultura, doutorado, honradez, forma de viver, ensino, lacre de autoridade, submisso.

11ª Casa
A 11ª casa rege sobre ganhos e rendimentos, aquisições, realização dos objetivos, esperanças, amigos, conhecimento, lucros, irmãos(s) mais velhos, nora, dependência, ouro, fortuna, propriedade paterna, pérolas, ornamentos, riqueza de várias fontes, ministrar, prêmios, distinção, cozinha, orelhas, habilidades artísticas, papéis e documentos,.

12ª Casa
A 12ª casa governa mágoas, pernas, olho esquerdo, perdas, espionagem, demonstrar o comportamento, segredos integridade, términos, pobreza, pecados, cama, aprisionamento, insônia, pagamento das dívidas, fatura paterna, inimigos secretos, ir para os planos celestiais, ira pessoal ou fúria da população, grilhões ou lugar de cativeiro, disputas, injúrias físicas, viagens a lugares remotos ou ir a outros lugares, gastos, perda do cônjuge.

Astrologia Védica facilita a descoberta das potencialidades e limitações do indivíduo. Permite o auto-conhecimento e a busca do equilíbrio físico, mental e emocional, por meio de várias técnicas e disciplinas. Também é utilizada para observar as influências dos astros nos momentos presente, passado e futuro. Isso possibilita a ação, de acordo com as circunstâncias. Ajuda a evitar desapontamentos e a indicar o momento mais propício para atividades profissionais, econômicas e afetivas.

Por Adwaita Chandra Das (facilitador do curso de Astrologia Védica) / site Cultura Védica

Chandra pesquisa a Cultura Védica há 30 anos, dos quais cinco vividos em monastérios. É iniciado na tradição Gaudya Vaishnava, como sacerdote brahmana por HD Goswami Srila Acharyadeva; no conhecimento da Astrologia Védica e cerimônias sagradas, por Keshava Swami, e formado na técnica de libertação emocional (EFT), por Enéas Gerrieiro (Iswara Dasa). É também perito na elaboração de jóias terapêuticas e talismãs astrológicos.

Site oficial: www.culturavedica.com.br


Quer saber mais? Participe do Curso de Introdução à Astrologia Védica, com Adwaita Chandra

Início: 19, 20 e 21 de julho de 2019

Local: aulas online e no Sítio Vale das Flores (Altiplano Leste) e no Instituto Atmo Danai (Setor Hoteleiro Sul), encontros uma vez por mês. Duração: 6 módulos (encontros mensais).

Conteúdo programático e encerramento do curso com Festival Jyotish (com atendimento feito pelos alunos do curso):

Módulo I: 
· Introdução à Filosofia Védica;
· História da Astrologia Védica;
· Os ramos da Astrologia Védica;
· Diferença entre os sistemas Tropical e Sideral de Astrologia;
· Os Astros e suas influências no comportamento humano
· Lagna ou signo ascendente
· Karakas ou planetas Indicadores
· Cálculo e elaboração do mapa natal com software facilitador.

Módulo II 
· A lua e sua importância na Astrologia Védica;
· As nakshatras, estrelas do destino;
· As casas astrológicas;
· Planetas nas casas.

Módulo III 
· Os signos do Zodíaco;
· Planetas nos signos;
· Aspectos planetários;
· Yoga (combinações astrológicas)

Módulo IV 
· Astrologia e saúde;
· Astrologia Médica

· Os Doshas e os elementos
· Como determinar o humor biológico (Doshas) astrológico
· Planetas e doenças
· Astroterapia
· Tratamentos astrológicos;
· A ciência dos Mantras;

Módulo V 
· Técnicas de interpretação
· Períodos astrológicos;
· Trânsitos astrológicos;
· Ferramentas e antídotos astrológicos
· Bibliografia para pesquisa.
· Atendimentos supervisionados
· Encerramento com Agni Hotra

Astrologia Védica ou Ciência da Luz (Jyotish): o que é, os signos, as casas e as constelações

A Astrologia Védica é um conhecimento que foi revelado no inicio da criação do universo ao senhor Brahma o semideus responsável pela criação cósmica.

Brahma ensinou esse conhecimento a seus descendentes os grandes sábios, Bhrigu, Garga, Vashista e eles ensinaram seus discípulos. Pela primeira vez esse conhecimento foi escrito no início da era de Kali e apresentado à sociedade humana por Parashara Muni – pai de Vyasadeva, o compilador dos Vedas.

Desde então, tem chegado aos tempos atuais de forma intacta,  por meio do processo de sucessão discipular, ainda existente em escolas filosóficas tradicionais da cultura védica.

Os Vedas constituem o conhecimento original manifesto no início da criação do Universo. Eles apresentam a Verdade Absoluta como fonte de toda a criação. Por sua vez, a Astrologia Védica é uma ciência que integra os Vedas. Dentre as ciências védicas antigas, a Astrologia é conhecida como ‘Ciência da Luz’ (Jyotish).

É uma das ciências materiais mais importantes da antiguidade, por sua precisão em combinar Matemática, Astronomia, Filosofia e Mitologia. Sempre foi um conhecimento utilizado por grandes sábios e mestres do passado e do presente. Pois, tem-se revelado importante instrumento de observação das reações das atividades humanas ao longo do tempo.

Conforme a Lei do Karma, ou de causa e efeito, os acontecimentos presentes são resultados de atitudes ou atividades praticadas no passado. Os astros são responsáveis pelo desenvolvimento e administração do cosmos material. Assim como o Sol é responsável pelo fornecimento de luz, calor, energia, vitalidade, conhecimento e outras qualidades.

Todos os astros do sistema planetário solar ocupam funções importantes na organização universal. Influenciam física e psicologicamente os seres vivos. De acordo com o conhecimento védico, os astros são presididos por divindades que possuem características pessoais. Por meio delas, os seres humanos desenvolvem aspectos específicos de comportamento.

A ciência Astrologia observa a interação dos astros com os signos, casas e constelações estelares. Os astros são comparados a ministros do governo universal, responsáveis por atividades específicas no desenvolvimento do Universo. Além de influenciar elementos grosseiros, como água, terra, fogo, ar e espaço, eles também agem no campo da energia sutil  e influenciam mente e inteligência dos seres vivos.

Os signos são considerados localizações no espaço. Servem de residências para os planetas, de acordo com seus movimentos siderais. Influenciam o humor de cada astro, conforme a natureza de cada signo.

As casas representam os campos de atividades dos seres vivos, como saúde, trabalho, relacionamentos etc. São estabelecidas de acordo com os signos e distribuem-se em doze, determinadas pelo momento do nascimento

As constelações são divisões dos signos que determinam influências particulares de cada astro, principalmente da Lua. Demonstram o carácter individual de cada pessoa e também estabelecem os períodos de influencias planetárias na vida, o que facilita as previsões de possíveis acontecimentos.

Por meio de um mapa levantado a partir de cálculos matemáticos envolvendo data, horário, latitude e longitude da localidade de nascimento, pode-se observar as influências dos astros nas casas do mapa natal, que representam os vários campos de atuação do ser humano. Os signos e planetas combinados mostram o humor do desenvolvimento de cada casa.

Astrologia Védica facilita a descoberta das potencialidades e limitações do indivíduo. Permite o auto-conhecimento e a busca do equilíbrio físico, mental e emocional, por meio de várias técnicas e disciplinas. Também é utilizada para observar as influências dos astros nos momentos presente, passado e futuro. Isso possibilita a ação, de acordo com as circunstâncias. Ajuda a evitar desapontamentos e a indicar o momento mais propício para atividades profissionais, econômicas e afetivas.

Por Adwaita Chandra Das (facilitador do curso de Astrologia Védica)

Chandra pesquisa a Cultura Védica há 30 anos, dos quais cinco vividos em monastérios. É iniciado na tradição Gaudya Vaishnava, como sacerdote brahmana por HD Goswami Srila Acharyadeva; no conhecimento da Astrologia Védica e cerimônias sagradas, por Keshava Swami, e formado na técnica de libertação emocional (EFT), por Enéas Gerrieiro (Iswara Dasa). É também perito na elaboração de jóias terapêuticas e talismãs astrológicos.

Site oficial: www.culturavedica.com.br


Quer saber mais? Participe do Curso de Introdução à Astrologia Védica, com Adwaita Chandra

Início: 19, 20 e 21 de julho de 2019

Local: aulas online e no Sítio Vale das Flores (Altiplano Leste) e no Instituto Atmo Danai (Setor Hoteleiro Sul), encontros uma vez por mês. Duração: 6 módulos (encontros mensais).

Conteúdo programático e encerramento do curso com Festival Jyotish (com atendimento feito pelos alunos do curso):

Módulo I: 
· Introdução à Filosofia Védica;
· História da Astrologia Védica;
· Os ramos da Astrologia Védica;
· Diferença entre os sistemas Tropical e Sideral de Astrologia;
· Os Astros e suas influências no comportamento humano
· Lagna ou signo ascendente
· Karakas ou planetas Indicadores
· Cálculo e elaboração do mapa natal com software facilitador.

Módulo II 
· A lua e sua importância na Astrologia Védica;
· As nakshatras, estrelas do destino;
· As casas astrológicas;
· Planetas nas casas.

Módulo III 
· Os signos do Zodíaco;
· Planetas nos signos;
· Aspectos planetários;
· Yoga (combinações astrológicas)

Módulo IV 
· Astrologia e saúde;
· Astrologia Médica

· Os Doshas e os elementos
· Como determinar o humor biológico (Doshas) astrológico
· Planetas e doenças
· Astroterapia
· Tratamentos astrológicos;
· A ciência dos Mantras;

Módulo V 
· Técnicas de interpretação
· Períodos astrológicos;
· Trânsitos astrológicos;
· Ferramentas e antídotos astrológicos
· Bibliografia para pesquisa.
· Atendimentos supervisionados
· Encerramento com Agni Hotra